Parceiros

Tecminho

Tecminho

A TecMinho - Associação Universidade Empresa para o Desenvolvimento é uma entidade coletiva de direito privado sem fins lucrativos, fundada em 1990 pela Universidade do Minho, a Associação de Municípios do Vale do Ave, o INETI e várias empresas. A sua missão fundamental consiste em constituir-se como uma estrutura de interface da Universidade do Minho, promovendo a ligação à sociedade, sobretudo nas vertentes de valorização da ciência e tecnologia.

Enquanto interface da Universidade do Minho, a TecMinho tem como missão a valorização e a transferência de conhecimento para o tecido empresarial e demais atores económicos e sociais, contribuindo para a inovação, o empreendedorismo e o desenvolvimento das competências das organizações e das pessoas.

A missão da TecMinho é cumprida através da prossecução das seguintes principais linhas de intervenção:

Apoio ao desenvolvimento de novas tecnologias/produtos/processos e respetiva transferência para as empresas;

Conceção e implementação de atividades de educação e formação (presencial e em e-learning), de desenvolvimento organizacional e de mobilidade transnacional de recursos humanos;

Apoio ao empreendedorismo universitário e à criação de empresas inovadoras, com especial relevo para os spin-offs académicos.

Em 2013, com a obtenção da dupla certificação ISO 9001 (Gestão da Qualidade) e NP 4457 (Gestão da Investigação, Desenvolvimento e Inovação) atribuída pela APCER, a TecMinho tornou-se a primeira interface das universidades portuguesas a conseguir a certificação em Investigação, Desenvolvimento e Inovação (IDI), sendo também uma das três primeiras organizações nacionais sem ter a forma jurídica de empresa a ser certificada em IDI.

A TecMinho conta com a sua equipa interna de 28 profissionais com larga experiência na promoção de projetos de I&DT, transferência de tecnologia e empreendedorismo.

Enquanto interface da Universidade do Minho, a TecMinho criou e gere o portfolio de propriedade industrial da Universidade do Minho, contando com mais de 220 pedidos de patente.

Nos últimos 10 anos, a TecMinho envolveu mais de 400 empresas portuguesas em projetos de I&DT, procedeu à valorização de mais de 100 tecnologias inovadoras e promoveu a criação das 43 empresas spin-off da Universidade do Minho (que exploram conhecimento gerado na Universidade e licenciado a essas empresas), além de muitas outras start-ups.

A TecMinho tem vasta experiência na gestão, coordenação e participação em projetos nacionais, Europeus e internacionais.